Sexta, 17 de janeiro de 2020   -     13:42 |
5000onon

FIEPI presente no 4º Salão do Turismo da Rota das Emoções

A Federação das Indústrias do Estado do Piauí (FIEPI) é parceira do Sebrae/PI na realização do 4º Salão do Turismo da Rota das Emoções que será realizado de 27 a 30 deste mês, no Estádio Dirceu Arcoverde (Verdinho), em Parnaíba, cidade que é porta de entrada para o Delta, um dos principais atrativos desse roteiro integrado, que envolve destinos no Piauí, Ceará e Maranhão.

Entre os objetivos do evento estão: promover conhecimentos e compartilhamento de informações; contribuir com a geração de negócios; fortalecer a governança regional; fomentar a inovação nas empresas, contribuindo para a melhoria das experiências dos turistas; disseminação dos princípios de sustentabilidade; e apresentação e divulgação de novos roteiros e produtos turísticos.  



O presidente da FIEPI, Zé Filho, que participará da abertura do evento, disse que a iniciativa é muito importante para o segmento já que busca reforçar o desenvolvimento do setor envolvendo ações em áreas como infraestrutura, meio ambiente, segurança e conectividade. “De acordo com os especialistas, o turismo é uma atividade econômica que interage dezenas de outras atividades produtivas da economia, constituindo, portanto, uma malha ampla e complexa de ligação”, afirmou Zé Filho.

A programação do salão envolve mesas-redondas, seminários, palestras, oficinas gerencias e de artesanato, rodadas de negócios, lançamentos de novos produtos turísticos e da Frente Parlamentar dos Pequenos Negócios, além da Feira de Negócios da Micro e Pequena Empresa (Fepeme), com exposição e comercialização de produtos e apresentações culturais.

O evento é uma realização do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) dos três estados, e o Governo do Piauí, A primeira edição do Salão do Turismo da Rota das Emoções ocorreu em Parnaíba (PI) em 2013. No ano seguinte, o evento ocorreu em Barreirinhas (MA). Já em 2015, a sede do salão foi Jericoacoara (CE).

 
* Com informações da Ascom/ FIEPI

Dê sua opinião: