Quarta, 20 de novembro de 2019   -     04:12 |
5000onon

W. Dias apresenta painel sobre o Consórcio do Nordeste no Brics Legal Fórum

 Foto: Divulgação

O governador Wellington Dias participou, nessa segunda-feira (14), da abertura oficial do “VI Brics Legal Fórum”, no Rio de Janeiro. O evento tem como anfitriã a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Nacional e reúne especialistas e autoridades para debater os aspectos jurídicos que envolvem Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, com o intuito de melhorar a compreensão mútua e a comunicação entre os círculos jurídicos, promovendo a cooperação e reafirmando o Estado de Direito. Na oportunidade, o governador apresentou um painel sobre o Consórcio do Nordeste. 

O membro honorário vitalício da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coelho, falou da importância dessa articulação para esta região e destacou a liderança do governador piauiense. “Aqui tivemos  a presença do governador Wellington Dias, um dos articuladores e importante líder do Consórcio dos Estados do Nordeste falando sobre esta experiência do consórcio de nove estados do nordeste do Brasil, como instrumento inovador para desenvolvimento em diferentes áreas, integrando recursos humanos, material e financeiro”, disse o advogado.

Para Marcus Vinicius, o Fórum Brics é mais que uma missão pelo desenvolvimento econômico, ou aspectos legais, “é o compromisso social dos nossos povos”.

O governador agradeceu o convite e falou da importância de ter tantos nomes do Direito reunidos para debater importantes temas. Para Wellington, o Consórcio Nordeste é uma opção que os estados encontraram para enfrentar a crise e, segundo ele, já tem demonstrado a eficácia na economia e no fortalecimento da gestão em diversas áreas.

O Consórcio do Nordeste está realizando licitações em conjunto e organizando viagens internacionais para a busca de crédito para os projetos. 

O fórum segue até esta quarta-feira (16). No segundo dia, os painéis são Direito Comercial e Contratos: a perspectiva internacional; Arbitragem internacional; e O futuro da profissão jurídica: inteligência artificial e internet das coisas. No terceiro e último dia, os painéis previstos são Brics Financeiro: tributação Internacional; e Perspectiva legal sobre tráfico de drogas e crimes contra mulheres e crianças. Após as reuniões privadas dos grupos de trabalho e a reunião do conselho, os trabalhos serão encerrados. 

* Com informações da Ccom 

Dê sua opinião: