Segunda, 27 de janeiro de 2020   -     22:28 |
5000onon

Dudu denuncia perseguição a Guardas Municipais em Teresina

O vereador Dudu (PT), durante a sessão plenária desta quinta-feira (05), denunciou que guardas municipais estão sofrendo assédio moral e perseguição política por parte da Prefeitura de Teresina. A corporação era composta por 140 guardas municipais e, recentemente, dezessete foram afastados das suas funções. Desse total, seis ainda conseguiram retornar ao trabalho e 11 foram exonerados pela Prefeitura.

O parlamentar afirma que é algo inaceitável que a gestão pública queira impor suas vontades através do medo junto aos servidores.  “Eu não quero acreditar que temos casos de assédio moral e perseguição política a esses profissionais que trabalham duro todos os dias para proteger a nossa população. Se for comprovado esses fatos nós vamos até às últimas consequências, pois a guarda municipal é um patrimônio de Teresina e que a população agradece pelos importantes serviços prestados”, afirmou Dudu.   

Na sessão, o parlamentar apresentou um requerimento solicitando informações à Prefeitura Municipal de Teresina sobre a quantidade de guardas municipais que foram exonerados ou demitidos nos últimos 12 meses. O documento ainda requer informações detalhadas acerca dos motivos e critérios utilizados para a exclusão dos servidores afetados e apresentação das portarias de exoneração dos agentes envolvidos. O requerimento foi aprovado por unanimidade pela Casa Legislativa.

“Temos que lutar pela ampliação do número de guardas e para melhorar o vergonhoso salário que os servidores recebem atualmente, que é de R$ 796,00.  O prefeito Firmino Filho começa a se notabilizar no país como único que paga aos servidores um vencimento menor do que um salário mínimo. Isso é algo vergonhoso para a gestão municipal. Vamos lutar para melhorar a qualidade de vida desses trabalhadores que diariamente estão combatendo os criminosos e dando segurança ao nosso povo. Não queremos acreditar que a gestão está intimidando os profissionais. Pedimos as informações por meio do requerimento e, se for comprovado algum tipo de perseguição ou assédio com certeza vamos tomar todas as medidas necessárias”, declarou o vereador Dudu.  

* Com informações do Ascom/ Douglas Bastos 

Dê sua opinião: