Sexta, 18 de setembro de 2020   -     22:53 |

Governador mostra a prefeitos necessidade de busca ativa de infectados pelo coronavírus

 Foto: Reprodução  

O governador Wellington Dias se reuniu, nessa segunda-feira (15), por meio de videoconferência, com os prefeitos de Água Branca, Castelo do Piauí, Campo Maior, Picos e Floriano para tratar sobre a adesão dos municípios ao Programa Busca Ativa de infectados pelo novo coronavírus e tratou também de estratégias para o combate à Covid-19.

De acordo com o o chefe do Executivo piauiense, o estado agora também se depara com a situação de poucos médicos para atuar na linha de frente de atendimento aos infectados, principalmente em unidades de terapia intensiva (UTIs). Atualmente, o Piauí conta com 1,6 médico para cada mil habitantes, no entanto, há poucos profissionais especializados em terapia intensiva, assim como profissionais de Enfermagem.

“O Programa Busca Ativa possibilita que possamos encontrar rapidamente aqueles que estão contaminados pelo vírus, fazer o isolamento e, sendo descoberto no início, realizar o tratamento o quanto antes para evitar que cheguem a precisar de leitos hospitalares. O objetivo é fazer com que a pessoa deixe de transmitir, fazer cair a taxa de transmissibilidade, diminuir o número de pessoas que adoecem e precisam de leitos hospitalares”, comentou Wellington.

Na oportunidade, o governador falou sobre a estrutura que o Estado tem mantido para garantir novos leitos de UTI e leitos de estabilização, passando aos prefeitos as dificuldades encontradas, no qual enfatiza a necessidade da formação de equipes da Saúde da Família nos municípios para detectar esses casos.

Na oportunidade, o gestor pediu que o prefeitos invistam na testagem da população e garantiu o aumento no número de testes para os municípios. 

* Com informações da CCOM

Dê sua opinião: