Sábado, 21 de setembro de 2019   -     02:27 |
5000onon

Estudante Gabriel Brenno morre após 6 dias internado no HUT

O estudante Gabriel Brenno Nogueira, 21 anos, morreu às 5h45 da manhã desta terça-feira (23) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Urgência de Teresina (HUT). O jovem foi baleado na cabeça no dia 17 de julho e estava entubado e em ventilação mecânica. Segundo o hospital, a causa da morte foi complicações em decorrência do tiro. 

O crime - Segundo a Polícia Militar,  Gabriel Brenno sofreu o atendado por volta de 7h15 do dia 17 de julho quando saía de uma pensão onde estava hospedado no Centro de Teresina desde o mês de fevereiro deste ano. Ele é natural de Caxias (MA), mas estava vivendo em Teresina onde estudava em cursos preparatórios com o objetivo de ingressar na Escola de Sargentos e Armas (ESA) do Exército Brasileiro (ESA). O suspeito desceu de um veículo, um Chevrolet Onix cinza, efetuou o disparo e fugiu. A vítima foi socorrida e levada ao HUT, onde passou por cirurgia e ficou internada na UTI em estado gravíssimo. 

Suspeito foragido - A Polícia Civil trabalha com a hipótese de crime passional e um homem já foi identificado como autor do tiro que matou o rapaz. O suspeito é companheiro de uma mulher com quem Gabriel estava tendo um relacionamento amoroso. Na sexta-feira (19), o 1º Distrito Policial solicitou à Justiça a prisão preventiva do suspeito, que é um mestre de obras, mas até o momento ele não foi localizado.

Nota do HUT

"O Hospital de Urgência de Teresina (HUT) comunica que o paciente Gabriel Brenno Nogueira da Silva Oliveira, 21 anos, vítima de arma de fogo, faleceu hoje, 23 de julho, às 5h45. Gabriel apresentava uma lesão cerebral grave. Esse tipo de lesão, na maioria das vezes tem repercussão sistêmica e acaba levando ao comprometimento de múltiplos órgãos. Além do comprometimento cerebral, rins e pulmões acabaram sendo afetados". 

* Com informações do HUT

Dê sua opinião: