Terça, 21 de janeiro de 2020   -     09:08 |
5000onon

Coluna Coluna Feitosa Costa

Mão Santa diz que a Lava Jato “não é de nada” e que foi ele quem denunciou Lula e o PT

O ex-senador da República e atual prefeito de Parnaíba, Francisco de Assis Moraes Sousa (Mão Santa), aparece em vídeo gravado e divulgado ontem (26) pela jornalista Luzia Paula dizendo que foi ele quem primeiro denunciou Lula e o PT no plenário do senado federal para o Brasil inteiro. 

Mão Santa, que também foi governador do Piauí, dispara que a “petralhada vai arder no quinto dos infernos".

“Quem denunciou que o PT roubava e mentia fui eu. Eu sabia que eles eram ladrões, mas eu nunca pensei que eles roubassem tanto”, diz. 

Considerado um dos maiores antagonistas aos Partido dos Trabalhadores (PT) no Brasil, o gestor, que também foi governador do Piaui, é amigo pessoal do presidente Jair Bolsonaro. 

Assista: 

EXCLUSIVAS

Mesa farta

O deputado Júlio César convidou colegas parlamentares para um farto café da manhã nesta quarta-feira (27) na Câmara Federal.

Na pauta, "relacionamento do Parlamento com o governo".

Detonou de vez

Em áudio divulgado no WhatSapp, o jornalista e ex-deputado estadual Tomaz Teixeira revela um verdadeiro esquema na prefeitura de Teresina. 

Fraudes em licitações

Tomaz Teixeira diz no áudio que nos editais da gestão de Firmino há indícios de fraude na compra de bolacha mapil.

“Por isso que a Procuradoria da República e a Polícia Federal indiciaram Firmino, por isso que a comissão de licitação..., que o cunhado dele...todos foram condenados a dois anos de prisão, inquérito denunciado por mim... Esse processo sumiu do cenário, eles recorreram da punição de dois anos de cadeia para todos os membros da comissão...”.

Farra no Setut

“Mas não é só isso….Eles se elegem com o dinheirão gordo do Setut, que é o dinheiro tirado dos lombos dos pobres que andam de ônibus todo dia no sol quente...e de lá que vem o dinheirão forte para garantir a campanha dele”, revela Tomaz. 

Crime eleitoral 

O jornalista revela ainda que os candidatos a vereadores de Firmino recebem malas e sacos cheios de dinheiro trocado de cinco e dez reais para comprar votos na periferia de Teresina nas eleições. 

“O Firmino é mau caráter que tenta passar para a opinião pública que é um homem de bem, um homem sério, mas quem conhece Firmino de perto sabe que ele é um impostor, um corrupto contumaz e que, infelizmente, compra a periferia pobre com o dinheiro gordo quem vem Setut em todas as eleições de Teresina”, diz o ex-deputado. 

Ouça

 

Testemunhas

“Foi assim na eleição do Alberto Silva. Tem um figurão dele aí que lá no Saci botou a mão no bolso e disse que comprou voto de 500 reais e que ainda tinha 50 mil”, contou.

Tomaz garantiu que se for chamado na Justiça levará testemunhas para dizer que é o figurão amigo de Firmino que compra votos na capital. 

Recado dado

“Ele sabe quem é o amigo dele que comprou votos... está bem do ladinho do prefeito, ele tá sabendo que estou falando dele. Infelizmente são os canalhas no poder. É uma vergonha", concluiu.

Por enquanto

Silêncio total nos bastidores da prefeitura.  




Dê sua opinião: