Quarta, 16 de outubro de 2019   -     04:32 |
5000onon

Voo é cancelado e passageiros se revoltam por falta de informações em Teresina

 Foto: Lucas Pessoa/G1

Passageiros se revoltaram no aeroporto Senador Petrônio Portella, em Teresina, depois que um voo foi cancelado e a empresa não prestou esclarecimentos. Alguns deles informaram que aguardavam, até as 9h desta quinta-feira (3), por mais de três horas sem informações da Gol, empresa que prestaria o serviço. O G1 tentou, mas ainda não conseguiu contato com a companhia aérea.

O voo 1717, que sairia de Teresina com destino a Brasília às 5h40, foi cancelado depois que os passageiros já estavam no avião, prontos para a decolagem.

O eletricista Luís Fernando informou que teve de chegar às 4h20 no aeroporto para fazer o check-in. Segundo ele, todos já estavam dentro do avião quando, às 6h20, foram informados de uma pane elétrica na aeronave. A empresa ainda não confirmou o problema.

"O piloto informou que houve uma pane no painel de controle e disse que preferia não partir com o avião. Agora estamos aqui sem informação de em qual voo e em qual horário nós seremos encaixados", informou.

"Nós já estávamos dentro do avião, tínhamos colocado as bagagens quando fomos avisados da pane elétrica. Na verdade foi melhor o piloto ter cancelado o voo. Mas nós estamos aqui sem saber em qual horário nós seremos encaixados e em qual voo. O pessoal da empresa não consegue nos informar isso", contou o aposentado Carlos Eduardo.

O G1 buscou a companhia aérea para buscar informações sobre o cancelamento do voo e quando os passageiros do voo 1717 poderiam fazer a viagem, mas ainda não conseguiu contato com a empresa.

* Com informações do G1 PI

Dê sua opinião: