Sexta, 10 de abril de 2020   -     08:08 |
5000onon

Motoristas e cobradores de ônibus da Zona Sudeste de Teresina fazem paralisação

Foto: Reprodução 

Motoristas e cobradores da empresa Santa Cruz paralisaram, na manhã desta quinta-feira (16), suas atividades por tempo indeterminado. De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte Rodoviário do Piauí (Sintetro-PI), o motivo da paralisação é o descumprimento da convenção coletiva por parte da empresa.

Ao todo, seis ônibus, que atendem bairros da Zona Sudeste, não estão rodando na capital. O presidente do Sintetro, Fernando Feijão, informou que os trabalhadores estão recebendo o pagamento do salário e do ticket apenas referentes aos dias trabalhados, o que fere o acordo feito entre motoristas, cobradores e as empresas.

“O movimento grevista é por causa do descumprimento da convenção coletiva. Esta empresa está contratando motoristas e cobradores para trabalhar como diaristas, ou seja, ele só ganha o salário referente aos dias trabalhados, assim como o ticket. Há casos que o trabalhar não chega a ganhar um salário mínimo”, comentou.

Conforme a classe, o problema vem se estendendo há cerca de seis meses. “Todas as empresas seguem a convenção coletiva. Entretanto, a Santa Cruz, que é a menor empresa que participa do consórcio, não está cumprindo o acordo. Isso acontece há aproximadamente seis meses, nós tentamos negociar para que a categoria não chegasse a esse ponto”, completou Fernando Feijão.

Procurada pelo G1, a empresa Santa Cruz ainda não se posicionou sobre o caso.  

* Com informações do G1 PI

Dê sua opinião: