Quarta, 16 de outubro de 2019   -     04:59 |
5000onon

GRAVE ACIDENTE: DUAS MOTOCICLETAS NA CONHECIDA CURVA DA MORTE EM ILHA GRANDE, LITORAL DO ESTADO DO PIAUI

Por volta das 20:30 na estrada que liga o centro de Parnaíba ao Bairro Ilha Grande pertencente ao município de Parnaíba, na conhecida curva da morte, logo quando desce a ponte Simplício Dias tem duas curvas perigosas, na segunda duas motos colidiram de frente, muito grave a colisão, nossa equipe de reportagem esteve no local do acidente e acompanhou os primeiros socorros as vitimas.

Nossa equipe conversou com alguns populares presente ao local, por sinal muita gente aglomerada em volta do acidente, devido a gravidade do acidente, o impacto foi tão forte que uma das motocicletas chegou a quebrar ao meio os amortecedores dianteiros, corpos jogados pra todo lado, 3 corpos estirados no chão e muito sangue, a complexidade da colisão foi tamanha que foi acionado o Serviço móvel Medico de Urgência e ainda duas Ambulâncias do Corpo de Bombeiros para auxiliar a equipe móvel do Samu de Parnaíba, os homens ainda não identificados, mais de acordo com levantamentos da nossa equipe, populares afirmam que os homens que vinha pilotando uma motocicleta sentindo pedra do sal, são conhecidos na região por andarem sempre acima da velocidade permitida, sempre com velocidade alta, já o outro homem também desconhecido que vinha sentindo centro de Parnaíba trafegava em sua mão certa, quando foi surpreendido por uma outra motocicleta em alta velocidade, ainda segundo populares a curva é bastante perigosa e naquele local acontece vários acidentes, conhecida como a curva da morte.

Nossa equipe acompanhou o estado de saúde dos homens estirados ao chão, os dois que estavam na motocicleta que vinha sentido centro de Parnaíba, o passageiro com fraturas por todo o corpo e sangrando muito, ele estava consciente mais muito machucado e pedia pra não morrer, já o suposto piloto, o que vinha pilotando a motocicleta estava gravemente ferido, sangrando muito e com lesão no olho,cabeça,boca e lesões por todo o corpo, era o mais grave dos três que estavam ao chão, já o motociclista que vinha sozinha, estava com uma grave fratura exposta na perna, com muitas dores e com grande dificuldade do corpo de bombeiros para fazer a imobilização devido a gravidade das fraturas.

Todos foram levados para o Hospital de referência do Município, o HEDA e até o fechamento desta edição ainda não se sabe o real estado de saúde dos envolvidos no acidente, a policia militar junto com o PPtran (Detran) foi acionado para fazer o levantamento da causa do acidente, até o momento não se sabe como de fato aconteceu tudo, apenas populares que cada um conta sua versão sobre o acidente.

O Transito ficou parado por algumas horas, a pista totalmente tomada por populares e ambulâncias.

Dê sua opinião: